“Vamos seguir todo o protocolo de segurança”, diz secretária sobre volta às aulas no DF

Secretária de Educação, Hélvia Paranaguá, também afirmou que crianças com comorbidades poderão permanecer no ensino remoto

Durante a inauguração do Centro de Educação Infantil (CEI) 9 de Taguatinga, na QS 7 da Vila Areal, na manhã desta quarta-feira (4/8), a secretária de Educação, Hélvia Paranaguá, comentou que a expectativa para o retorno presencial dos estudantes, de maneira escalonada, a partir desta quinta-feira (5/8), é bastante positiva.

“Ainda não temos o dado de quantos alunos devem retornar presencialmente. Tem escola que vai ter 100%. Outras têm a flexibilidade de 50% por semana. Uma escola de 2,8 mil alunos receberá a metade. Já uma de 60 alunos poderá receber todos ao mesmo tempo. Temos toda a flexibilidade para trabalhar dentro das possibilidades, com segurança”, afirmou a titular da pasta.

Ainda segundo Hélvia, os professores estão ansiosos pelo retorno presencial. “Todos querendo voltar. Eles entendem o clamor da sociedade. Nesse processo, eles foram guerreiros. Da noite para o dia, tiveram de se reinventar para dar aula remota. Nunca abandonaram os alunos e as escolas. Abraçaram a causa. Vamos dar às famílias a tranquilidade que elas precisam para uma volta com segurança”, afirmou.

A secretária acrescentou que uma força-tarefa foi montada dentro da pasta para acompanhar as escolas. “O objetivo é dar acolhimento e segurança para as famílias. Vamos acompanhar casos de suspeita e confirmação da Covid-19. Vamos seguir todo o protocolo de segurança sanitária. Vai ter fiscalização”, destacou.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.