terça-feira, 26 outubro de 2021
Aqui você fica por dentro de tudo que acontece em Brazlândia.

Brazlândia – DF

Notícias

Serasa Experian tem venda de dados pessoais suspensa pela Justiça

1 Mins read

No autos, o MPDFT alega que as informações eram vendidas por R$ 0,98 e existem, aproximadamente, 150 milhões de CPFs disponibilizados

Cabe recurso à decisão - (crédito: Iano Andrade/CB/D.A Press - 17/2/09)
Cabe recurso à decisão – (crédito: Iano Andrade/CB/D.A Press – 17/2/09)

O Tribunal de Justiça do Distrito Federal e dos Territórios (TJDFT) determinou que a Serasa Experian suspenda a comercialização de dados pessoais dos clientes sob pena de multa de R$5 mil, por cada venda efetuada. Segundo a Ação Civil Pública do Ministério Público do DF e Territórios (MPDFT), a empresa ofertava informações como contato, sexo, idade, poder aquisitivo, classe social, localização, modelos de afinidade e triagem de risco a R$ 0,98. Existem, aproximadamente, 150 milhões de CPFs disponibilizados.

No entendimento do MPDFT, a situação é contrária aos Princípios da Lei Geral de Proteção de Dados Pessoais (LGPD). Para o órgão, a comercialização configura um “grande incidente de segurança monetizável” ou “vazamento de dados”. De acordo com a LGPD, deve existir “uma manifestação específica para cada uma das finalidades para as quais o dado está sendo tratado”, por isso, a venda realizada pela Serasa seria ilegal ou irregular, pois “fere o direito à privacidade das pessoas, bem como seus direitos à intimidade e à imagem, o que inclui o direito à proteção de seus dados pessoais”.

Na decisão, a corte avaliou que “embora a norma permita o tratamento para atender aos interesses legítimos do controlador ou de terceiro, expressamente aponta, em sua parte final, a prevalência dos direitos e liberdades fundamentais do titular que exijam a proteção dos dados pessoais”. Dessa maneira, “mesmo que se trate de informações ‘habitualmente fornecidas pelos sujeitos de direitos nas suas relações negociais e empresariais’, a lei indica necessidade de autorização específica para o compartilhamento”.

A reportagem entrou em contato com a Serasa Experian e aguarda retorno. O espaço segue aberto à manifestações.

Informações Correio Braziliense

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

WeCreativez WhatsApp Support
Queremos ouvir você! Ajude o Portal de Brazlândia a ficar com a sua cara.
👋 Mande sua mensagem, notícia, elogio, reclamação ou dúvida sobre anúncio

Os cookies nos ajudam a fornecer, proteger e melhorar nossos produtos e serviços. Ao usar nosso site, você concorda com o uso de cookies.

Configurações de cookies

Abaixo você pode escolher quais tipos de cookies permitem neste site. Clique no botão "Salvar configurações de cookies" para aplicar sua escolha.

FunctionalOur website uses functional cookies. These cookies are necessary to let our website work.

AnalyticalOur website uses analytical cookies to make it possible to analyze our website and optimize for the purpose of a.o. the usability.

Social mediaOur website places social media cookies to show you 3rd party content like YouTube and FaceBook. These cookies may track your personal data.

AdvertisingOur website places advertising cookies to show you 3rd party advertisements based on your interests. These cookies may track your personal data.

OtherOur website places 3rd party cookies from other 3rd party services which aren't Analytical, Social media or Advertising.