MPDFT abre seleção para formação de cadastro reserva para estagiários

O Ministério Público do Distrito Federal e Territórios (MPDFT) abriu, na última segunda-feira (11/10), as inscrições para o processo seletivo de formação de cadastro reserva para estagiário de nível superior. As vagas são destinadas para estudantes regularmente matriculados em instituições conveniadas com o órgão.

Alunos dos cursos de Arquivologia, Comunicação, Contabilidade, Direito, Informática, Psicologia e Serviço Social poderão participar do processo seletivo. Também serão selecionados estudantes de cursos de pós-graduação nas áreas de Geologia e Engenharia Ambiental.

Para ingressar no estágio, o estudante deverá ter concluído, no ato da convocação, 40% da carga horária ou dos créditos do curso, independentemente do semestre em que esteja formalmente matriculado.

O estágio tem jornada de 20 horas semanais, com bolsa-auxílio no valor de R$ 850 para graduação e R$ 1,7 mil para pós-graduação. Há, ainda, auxílio-transporte de R$ 7 por dia trabalhado, seguro contra acidentes pessoais e recesso de 30 dias sempre que o período de duração do estágio for igual ou superior a um ano.

Inscrições

Para realizar inscrição no processo seletivo, o candidato deverá acessar o site www.universidadepatativa.com.br, campo “Concursos em andamento”, localizar o processo seletivo do MPDFT e realizar o cadastro.

Serão reservadas 10% das vagas ao sistema de cotas para minorias étnico-raciais, outros 10% às pessoas com deficiência e 30% ao sistema de cotas para negros. Os interessados deverão informar que desejam concorrer a essas vagas no ato da inscrição.

Depois de efetuada a inscrição, o candidato deverá enviar para o e-mail [email protected] os seguintes documentos em formato PDF: comprovante de inscrição; cópia de RG e CPF; declaração da instituição de ensino expedida a partir de 1º de outubro de 2021; se pessoa com deficiência, laudo médico conforme o edital; e se participante do sistema de cotas, termo de adesão conforme o edital.

Provas

A aplicação da prova objetiva online será realizada no dia 6 de novembro, com acesso liberado a partir das 14h, no site da universidade responsável pela seleção. A avaliação é constituída de questões objetivas do tipo múltipla escolha de língua portuguesa e conhecimentos específicos, com caráter eliminatório e classificatório.

O processo seletivo tem validade de um ano a partir da divulgação do resultado final e pode ser prorrogado por mais um ano, a critério da Administração. As vagas serão preenchidas de acordo com a classificação e a necessidade das unidades do MPDFT.

Fonte: Marcus Rodrigues para o Metrópoles

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.