Justiça irá leiloar mansão de ex-deputado Vigão

A juíza da 6ª Vara Cível do Distrito Federal, Bianca Fernandes Pieratti, ordenou que a casa do ex-deputado federal e empresário Wigberto Tartuce, o Vigão, vá à leilão para pagar dívidas de direitos autorais.

Considerada uma mansão e avaliada em R$ 25 milhões, a casa de 10,8 mil metros quadrados, localizada no Lago Sul, bairro nobre de Brasília, estará à venda a partir do dia 9 de novembro, às 16h20. Os lances poderão ser ofertados durante 10 minutos.

Se não houver oferta igual ou superior a R$ 25 milhões, novo leilão será feito em 12 de novembro. Os lances, neste caso, não podem ser inferiores a 50% do valor do imóvel.

Dívida com o Ecad

A casa foi penhorada para servir de pagamento ao Escritório Central de Arrecadação e Distribuição (Ecad). Segundo o processo, a mansão será usada, inicialmente, no pagamento de dívida da Sigma Rádio Difusão LTDA., a Jovem Pan FM no DF, da qual Vigão é sócio e reparte cotas com seus filhos.

O Ecad recolhe direitos autorias de artistas, mas não recebeu o que deveria. O débito que resultou na penhora do imóvel é de R$ 2,2 milhões.

O que sobrar do montante também está comprometido. O saldo remanescente vai para a União e fica bloqueado a fim de financiar dívidas acumuladas pelo empresário em outros processos judiciais ainda em apuração.

Fonte:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.