sábado, 16 outubro de 2021
Aqui você fica por dentro de tudo que acontece em Brazlândia.

Brazlândia – DF

DestaqueEconomia

Dólar sobe por cautela fiscal e institucional e com exterior negativo

2 Mins read

No mercado doméstico, os investidores compram dólar por precaução, após o presidente Jair Bolsonaro dizer no sábado que apresentará ao Senado pedido de impeachment dos ministros do STF

O dólar opera em alta diante do aumento da tensão entre poderes no País, dos riscos fiscais e inflacionário, além do cenário externo negativo. Dados da economia chinesa vieram abaixo do esperado no fim da noite de ontem, as tensões geopolíticas aumentaram e preocupações com a covid-19 pesam também nos mercados internacionais. Em Nova York, a moeda norte-americana avança e os juros dos Treasuries recuam, demonstrando maior busca de proteção.

No mercado doméstico, os investidores compram dólar por precaução, após o presidente Jair Bolsonaro dizer no sábado que apresentará nesta semana ao Senado pedido de impeachment dos ministros do Supremo Tribunal Federal (STF) Alexandre de Moraes e Luis Roberto Barroso. O Supremo Tribunal Federal (STF) evitou comentar. Mas parlamentares e políticos falam sobre chance de ruptura democrática pelo presidente Jair Bolsonaro e seu governo.

Na semana, a CPI da Covid realiza acareação entre o ministro do Trabalho, Onyx Lorenzoni, e o deputado federal Luis Miranda, que apresentaram versões diferentes sobre as supostas irregularidades na compra da vacina indiana Covaxin. O mercado doméstico também monitora a reforma do Imposto de Renda, com votação esperada na Câmara, e as discussões em torno da PEC dos precatórios.

Em relação ao fiscal, o secretário do Tesouro Nacional, Jeferson Bittencourt, afirmou ao Broadcast (sistema de notícias em tempo real do Grupo Estado) que o Congresso precisará discutir a PEC dos Precatórios com a “máxima responsabilidade”. Para a MCM Consultores, a PEC tem concepções problemáticas que poderiam funcionar como uma “engenhosidade perniciosa” para reduzir a transparência, burlar o teto de gastos e criar um orçamento paralelo.

Há pouco, o UBS BB anunciou corte na previsão de PIB do Brasil de 5,8% para 5,5% em 2021 e mantém em 2,5% para 2022.

No front macroeconômico, a Pesquisa Focus do Banco Central mostrou há pouco deterioração na mediana das estimativas de IPCA para 2022, mesmo com simultâneo avanço nas medianas para a Selic. A projeção do IPCA 2021 passou de 6,88% para 7,05%, e para 2022, de 3,84% para 3,90%. Já a estimativa do IPCA 2021 atualizada nos últimos 5 dias úteis subiu de 6,94% para 7,12%. E a alta dos preços administrados chama ainda mais atenção, em 2021, passou de 10,89% para 11%.

Para a Selic no fim de 2021, a projeção na Focus passou de 7,25% para 7,50% ao ano e, no fim de 2022, de 7,25% para 7,50% ao ano. Para fim de 2023 e 2024, a estimativa permanece em 6,50% ao ano para o juro básico. A projeção do PIB de 2021 desacelerou de +5,30% para +5,28% e para 2022, de +2,05% para +2,04%. As estimativas de câmbio para 2021 e 2022 permanecem em, respectivamente, R$ 5,10 e R$ 5,20.

Às 9h25, o dólar à vista subia 0,77%, a R$ 5,2852. O dólar para setembro ganhava 0,61%, a R$ 5,2965.

FONTE: Correio Brasiliense

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

WeCreativez WhatsApp Support
Nossa equipe de suporte ao cliente está aqui para lhe ajudar.
👋 Anuncie com a gente!

Os cookies nos ajudam a fornecer, proteger e melhorar nossos produtos e serviços. Ao usar nosso site, você concorda com o uso de cookies.

Configurações de cookies

Abaixo você pode escolher quais tipos de cookies permitem neste site. Clique no botão "Salvar configurações de cookies" para aplicar sua escolha.

FunctionalOur website uses functional cookies. These cookies are necessary to let our website work.

AnalyticalOur website uses analytical cookies to make it possible to analyze our website and optimize for the purpose of a.o. the usability.

Social mediaOur website places social media cookies to show you 3rd party content like YouTube and FaceBook. These cookies may track your personal data.

AdvertisingOur website places advertising cookies to show you 3rd party advertisements based on your interests. These cookies may track your personal data.

OtherOur website places 3rd party cookies from other 3rd party services which aren't Analytical, Social media or Advertising.